Centro Universitário FAG

Professora de Arquitetura aposta em material sustentável para ampliar conforto térmico e reduzir o consumo de energia

FAG apoia projeto de mestrado em Engenharia de Energia na Agricultura da docente Gabriela Bandeira Jorge. Intenção é usar Steel Frame somado aos jardins verticais no lugar da alvenaria comum

31/03/2021


A professora Gabriela Bandeira Jorge, que ministra as disciplinas de Estudo da Forma; Paisagismo; e Projeto de Interiores, no curso de Arquitetura e Urbanismo do Centro Universitário FAG, está cursando o mestrado em Engenharia de Energia na Agricultura na Unioeste. Para a concretização do projeto de pesquisa Gabriela conta com o apoio de diversas empresas, dentre elas a FAG, que cedeu a área, localizada nos fundos das Clínicas e a Asgel, que colaborou com a confecção de duas paredes, já a GessoInove fez as outras duas. O projeto é sobre a utilização de energia vegetal vertical. O local da construção é estratégico, pois precisaria ser um ambiente altamente ensolarado.

São quatro blocos, dois construídos de steel frame (um com cobertura vegetal e o outro não) e dois construídos com bloco cerâmico (um com cobertura vegetal e o outro não). "Em cada módulo vai um aparelho que mede a temperatura e umidade do ar interna, posteriormente também haverá um medidor para temperatura e umidade do ar externo", explica a professora.  O monitoramento do local se dará ao longo de um ano e consistirá na comparação entre os materiais e entre a utilização e não utilização do jardim vertical.

O projeto prático começou em dezembro de 2020 e segue até o fim de 2021, o tempo de 365 dias é necessário para a coleta de dados em todas as quatro estações. A redução de energia elétrica e do uso de aparelhos de ar-condicionado, bem como a criação de uma nova estética arquitetônica, que valoriza o paisagismo e a qualidade de vida são focos da pesquisa. "A estratégia é a obtenção de conforto térmico e minimização do consumo energético, através de um estudo comparativo com dois tipos de edificacação", diz.

A coordenadora do curso de Arquitetura, professora Solange Smolarek, está orgulhosa. "O projeto de pesquisa da professora Gabriela nos enaltece e valoriza o papel do arquiteto. Estamos com muito orgulho e com certeza a sociedade e o segmento vão ganhar muito com esse projeto".


O que é Steel Frame?

Gabriela explica que o Steel Frame é um material formado por estruturas com aço galvanizado e pode ser fechado com placas de madeira, cimentícias ou até painéis de alumínio composto. "É um material mais leve com estrutura metálica e é revestido com placas de cimento e lâmina de vidro. A intenção de usar esse tipo de insumo é a melhora do conforto térmico. É um material bem mais limpo e sustentável. Além disso, é uma obra mais rápida", explica Gabriela.


O que é bloco cerâmico?

O bloco cerâmico é a alvenaria convencional, com tijolos de barro e reboco tradicional. "Infelizmente uma construção desse tipo gera muito entulho, bem como prejudica o meio ambiente. Por depender da cura do cimento, é uma obra muito mais demorada", diz a professora. 


Jardim Vertical

Além de comparar duas formas de construção, a pesquisa contempla a instalação de jardins verticais para analisar a interferência das plantas no conforto térmico. Duas espécies foram escolhidas: Lambari Roxo e Aspargo Pluma. "São plantas que se desenvolvem de forma rápida e que aguentam ficar expostas ao Sol. Precisávamos de espécies que ficassem vivas e que suportassem o pico de energia solar. Além de que, esteticamente, valoriza a arquitetura dos espaços", explica Gabriela. A empresa Lótus paisagismo colaborou com essa etapa do projeto.


Custo x compensação

O Steel Frame em conjunto com as plantas possuem um preço mais elevado em comparação aos os materiais convencionais da construção civil. "Esse montante pode ser compensado a longo prazo com a economia de energia proporcionada pela redução do uso de aparelhos ar-condicionados, mesmo processo que ocorre com os painéis solares. Se tudo for comprovado como estamos prevendo, será uma prova dos benefícios desse material somado aos jardins verticais", afirma a futura mestre, Gabriela Jorge.


Resultados

Como a pesquisa foi atrasada em razão da pandemia de Covid-19, o projeto prático para análise começou em dezembro. Resultados preliminares serão apresentados em julho, já o trabalho final em 2022. "Eu só tenho a agradecer as empresas que estão apoiando e a minha orientadora, a professora Maritane Prior, que é engenheira agrícola. Espero que os resultados obtidos comprovem o que prevemos. Precisamos de matérias sustentáveis e também reduzir o consumo de energia, tendo sempre como foco o meio ambiente que precisa da nossa ajuda".

1618252730.jpeg
Colégio FAG sedia etapa semifinal online do paranaense de xadrez, em Cascavel
12
Abril
2021 Cascavel
1618252222.jpeg
Alunos da FAG Toledo criam mapas conceituais para uso pedagógico
12
Abril
2021 Toledo
1618250029.jpeg
Teoria aplicada na prática: Arquitetura desenvolve protótipos de sistemas por cabos
12
Abril
2021 Cascavel
1618006395.jpeg
Biblioteca do Centro FAG ganha novos livros de literatura
09
Abril
2021 Cascavel
1617993205.jpeg
Das telas ao divã: Próxima análise é sobre o documentário Procura-se Janaína
09
Abril
2021 Cascavel
1617992683.jpg
Nossa Escola recebe Vanice Fiorentin
09
Abril
2021 Cascavel
1617991415.jpg
Pós-Graduação têm seis cursos com turmas confirmadas
09
Abril
2021 Cascavel
1617989289.jpeg
NAP realiza segunda etapa do curso de drones
09
Abril
2021 Cascavel
1617986676.jpg
FAG Toledo: Alunos de Pedagogia montam releituras de pinturas famosas
09
Abril
2021 Toledo
1617916776.jpeg
Agecin oferece serviço de editoração
08
Abril
2021 Cascavel
1617915721.jpg
NAP: NEUROARCH - Neurociência Aplicada à Arquitetura
08
Abril
2021 Cascavel
1617913939.jpg
Egressa de Medicina inicia residência em Oncologia Clínica na USP
08
Abril
2021 Cascavel

Este site coleta dados para melhorar a sua experiência com os nossos serviços. Assim, para que fique ciente de todas as informações que coletamos e para quais finalidades, sugerimos que conheça a nossa POLÍTICA DE PRIVACIDADE. Ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.

OK