Centro Universitário FAG

Dia Nacional do Surdo: conheça histórias inspiradoras de acadêmicos e docentes

NAAE e professores fazem a diferença na Instituição

26/09/2022


Nesta segunda-feira (26) é celebrado o Dia Nacional do Surdo, data de reflexão a respeito dos direitos e da inclusão das pessoas surdas na sociedade. Este dia, criado pelo decreto de lei nº 11.796/2008, recorda a criação do Instituto Imperial de Surdos-Mudos no Rio de Janeiro, fundado pelo Imperador Dom Pedro II em 26/09/1857. Atualmente o local continua em funcionamento como INES (Instituto Nacional de Educação dos Surdos).

No Centro Universitário FAG, o NAAE (Núcleo de Atendimento e Apoio ao Estudante) dá todo o apoio aos acadêmicos surdos, desde a presença de intérpretes em sala de aula até a ajuda em qualquer demanda dos alunos. Dentre as várias histórias presentes na Instituição apresentamos duas a seguir:

A professora  Nicole Rovaris, da disciplina de Estatística, do curso de Ciências Contábeis, preparou uma prova muito especial para os acadêmicos Cristiano Bez Fontana e Cristiano Pereira da Silva. A docente, em parceria com o professor Clóvis Batista de Souza e com a intérprete Carla Eliza Santos, que são seus tios, promoveu uma prova totalmente adaptada, a avaliação foi interpretada em Libras (Língua Brasileira de Sinais), por meio de vídeos. Clóvis, que trabalhou com os alunos no ensino médio, também enviou uma mensagem de motivação e incentivo.

"Demonstração de humanidade e respeito"

"Quando vimos a nossa prova em vídeo, totalmente gravada em Libras, ficamos bem surpresos, porque a professora Nicole não nos contou que faria isso. Ficamos muito felizes em ter a oportunidade de fazer uma prova na nossa língua, a língua de sinais. Agradecemos muito por essa atitude, que significa para nós, alunos surdos, a demonstração de humanidade e respeito pela inclusão e acessibilidade às pessoas com deficiência", agradeceram os estudantes.

A professora da disciplina conta que a acessibilidade se tornou um tema da sua preocupação quando soube que teria dois alunos surdos em classe. Segundo Nicole, os docentes passaram por uma oficina, promovida pelo NAAE, com os principais pontos de atenção e sugestões para conduzir a aula da melhor maneira.

"Como em minha família tenho um tio que é professor de Libras na universidade e é surdo, o tio Clóvis, e minha tia que é intérprete, a tia Carla, busquei com eles o auxílio necessário para tornar as atividades em sala e a avaliação da disciplina de forma a potencializar o aprendizado dos meninos. Além disso, eles sugeriram que a prova da disciplina fosse sinalizada para os alunos, pois assim, eles teriam uma experiência diferenciada ao realizar esta avaliação", explica.

"Muito carinho"

A docente parabeniza a intérprete do NAAE. "No decorrer do bimestre, além dos meus tios, tive o apoio da Maira Miranda, que além de ser uma excelente profissional, me auxiliou no processo de interação com os alunos, e também se mostrou uma ótima parceira na organização e montagem da avaliação. Ela mesma me auxiliou a gravar um vídeo sinalizando para os alunos que estava muito feliz de tê-los na nossa turma, e que havia pensado na organização da prova com muito carinho", diz. "Ressalto que aprendo com eles todas as aulas, e que a busca da acessibilidade para todos deve ser algo constante em nossa trajetória como docentes e, sobretudo, como seres humanos", incentiva.

"Exemplo de responsabilidade e comprometimento"

A intérprete Maira Miranda, que acompanha os estudantes no curso de Ciências Contábeis, lembra da importância da inclusão. "Sabe-se que é um desafio trabalhar com alunos inclusos, mas sabe-se também que a prática inclusiva só tem êxito se houver preparo e disposição de todos os profissionais envolvidos nesse processo. Inclusão é acolher a todos os sujeitos, sem exceção, principalmente nas práticas pedagógicas, as diferenças e especificidades de cada um".

Maira celebra a atitude da professora Nicole. "A iniciativa, em adaptar a prova, nos mostrou um verdadeiro exemplo de responsabilidade e comprometimento com a inclusão, com certeza a professora merece todo o reconhecimento e destaque. Uma atitude simples que colocou em prática efetivamente o saber e fazer docente".

Acadêmico extraordinário

A segunda história é a do acadêmico do 6º período do curso de Enfermagem, Gabriel Gollyjewski. A professora Vanessa Engelage, da disciplina de Paciente Crítico/UTI, não escondeu a alegria dos excelentes resultados do acadêmico. Uma prova oral, adaptada ao Gabriel, mostrou todo o seu potencial, se destacando na avaliação. "Sou professora há 13 anos e têm sido uma experiência incrível trabalhar com o Gabriel. Ele é muito dedicado e escolheu viver intensamente se aventurando em uma área que poucos têm coragem, como a saúde".

Carolina Silveira é a intérprete que acompanha Gabriel, ela lembra dos desafios. "Na área da saúde, os sinais de Libras são muito limitados. Com o Gabriel, buscamos desenvolver sinais e estratégias para facilitar a compreensão, algumas aulas de conteúdos mais complexos, procuro o auxílio da professora para passar os assuntos da maneira mais simples e fácil", conta.

Parceria em sala de aula

A profissional ama o que faz. "Trabalhando no curso de Enfermagem, a cada dia me surpreendo mais e mais com o Gabriel, pois é um menino esforçado, dedicado e decidido a romper suas limitações e realizar seus sonhos. Acompanho ele desde os primeiros dias de aulas, em estágios, em eventos e palestras, assim posso dizer o quanto nossa parceria em sala de aula o ajudou e fez crescer entre esses anos de graduação", comemora. "Eu como intérprete me sinto realizada e feliz, por trabalhar com os surdos na FAG, pois ao longo de minhas trajetórias vejo o quando eles podem romper barreiras, vencer obstáculos e realizar seus sonhos", enfatiza.

"Eu estou aprendendo muito durante as práticas no Laboratório de Habilidades, em especial durante as aulas da professora Vanessa. Tive dificuldades com termos técnicos, muitas vezes as comunicações técnicas são realmente complicadas, às vezes tenho dificuldades, mas sempre procuro estudar e aprender nas minhas limitações. Nas aulas consigo associar a teoria e prática com auxílio dos materiais e imagens disponibilizadas. Os professores desde o começo da graduação estão sempre em parceria com a intérprete, buscando facilitar tornando tudo mais fácil para que eu possa compreender", explica Gabriel.

"Meu sonho é ajudar a comunidade surda"

O acadêmico, que já é técnico em enfermagem, tem o sonho de fazer a diferença na comunidade surda. "Vou realizar atendimentos em Libras, colaborando com a educação de saúde, prevenção de doenças, cuidados com a própria saúde, e cuidados de enfermagem. Com o objetivo de oportunizar conhecimentos voltados à melhoria na qualidade do acesso à saúde por parte das pessoas com surdez".

"Admiro muito a intérprete Carolina, tenho um carinho muito grande por ela. Eu aplico práticas de emergência, que são bem intensas, e com o apoio dela o Gabriel tem um ótimo desempenho. Carolina é um exemplo de responsabilidade. Hoje meu grande desafio é ser uma professora de um aluno extraordinário. Gabriel tem grandes sonhos que tenho certeza que vai alcançar! Sou muito feliz e orgulhosa por fazer parte da história dele", emocionada, diz a professora Vanessa.

Parabéns!

"Em nome do NAAE, parabenizo todos os nossos alunos surdos e reforço que estamos aqui para colaborar com tudo que for necessário e para evidenciar, também, suas potencialidades. Aproveito a oportunidade para agradecer ao nosso corpo de intérpretes e professores que não medem esforços para fazer a diferença na vida dos estudantes", diz a coordenadora do NAAE, professora Patrícia Radaelli.

1669411254.jpeg
Curso de Direito da FAG Toledo realiza júri simulado
25
Novembro
2022 Toledo
1669387073.JPG
Projeto Obesidade Pediátrica encerra com a produção de receitas natalinas
25
Novembro
2022 Cascavel
1669323164.jpeg
Nutrição realiza oficina para colaboradores das Clínicas FAG
24
Novembro
2022 Cascavel
1669153415.jpg
Semana Acadêmica de Letras e Pedagogia foi realizada de 7 a 11 de novembro na FAG Toledo
22
Novembro
2022 Toledo
1669147461.jpeg
Agro Soluções é a primeira campeã do InovaThon Agro
22
Novembro
2022 Cascavel
1669142028.jpg
Empresa de egresso do curso de Arquitetura da FAG é uma das mais atraentes do Brasil
22
Novembro
2022 Cascavel
F7EBA034-9297-40AD-B549-4A0CE5EF4F99.jpg
2º City Farm FAG é prestigiado por 2.500 visitantes e supera expectativas
21
Novembro
2022 Cascavel
1668723181.jpg
Acadêmica da FAG Toledo conquista prêmio de ilustração em concurso do Sesc Paraná
17
Novembro
2022 Toledo
1668628097.JPG
IV Comuopar recebe médicos do Brasil e de Portugal
16
Novembro
2022 Cascavel
1668618814.jpg
Arquitetura e Urbanismo promove encontro de formandos com entidades representativas da classe
16
Novembro
2022 Cascavel
1668196671.jpeg
Folhas D'Água e Independência são os projetos vencedores do 3º FAG Summit
11
Novembro
2022 Cascavel
1668192097.jpeg
Egressas de Farmácia participam de congresso internacional com pesquisa desenvolvida para o TCC
11
Novembro
2022 Cascavel