Centro Universitário FAG

Profissionais da FAG Toledo participam de debate sobre feminicídio

Live discutiu sobre legislação e comportamento social a partir da cultura e do discurso

24/07/2020


A Coordenadora Pedagógica E Coordenadora do curso de Letras Língua Portuguesa e Libras da FAG Toledo, Janice Salvador mediou na noite da última quarta-feira (22) uma live sobre o feminicídio, com a participação da secretária de Políticas para as Mulheres, Larissa Ribeiro e da docente e psicóloga da FAG Toledo Elisa Mara da Silva. A data lembra o Dia Estadual de Combate ao Feminicídio.

A psicóloga iniciou a fala abordando sobre os diversos tipos de violência sofridos pela mulher na sociedade e como a legislação com relação aos direitos da mulher mudou. "Os índices são altíssimos e a questão discriminatória é enorme. Precisamos falar sobre este assunto que está tão próximo de nós. Antes da Constituição de 1988 e do Código Civil, tínhamos outra normativa onde existiam os crimes contra a honra em que o homem poderia minimizar um crime alegando traição. A situação mudou mais muito daquela cultura ainda existe", alerta.

A secretária de Políticas para as Mulheres, Larissa Ribeiro falou sobre a importância da secretaria como instrumento para proteção dos direitos das mulheres. "Temos uma secretaria enxuta, mas é importante que ela exista. Em 399 municípios apenas 13 possuem um órgão gestor ou secretaria, o que mostra que a cidade se preocupa e quer trabalhar em prol das mulheres. Existem casos de violência e feminicídio na nossa cidade e precisamos tocar neste tema e trabalhar para enfrentar isto", alerta.

De acordo com Janice Salvador a sociedade mantém expressões culturais que fomentam as diferenças históricas entre homens e mulheres. "Trazemos marcas profundas da sociedade patriarcal que formou a sociedade. Em expressões simples como quando a mulher diz que o marido ajuda com os afazeres domésticos ou o marido dizendo que a esposa ajuda com as contas podemos identificar essa diferenciação de lugares e papeis. Historicamente temos trabalhado para alterar essa compreensão, trabalhando, dentro das possibilidades, com a ideia de que o lugar de qualquer um, seja homem ou mulher é onde a pessoa quer estar", explica.

A psicóloga Elisa Mara também alertou sobre o fato do feminicídio ser a etapa final de um processo que inicia bem antes, dentro da família e dos relacionamentos. "Começa com o discurso nas famílias e na sociedade, vai para as discussões dentro de casa, a violência moral, violência patrimonial e aí vem a agressão física que muitas vezes culmina no ato de matar", alerta.

A íntegra da live está na página da professora Janice Salvador no Facebook.


1597419112.JPG
Castramóvel: Ação da FAG e prefeitura atende 60 animais
14
Agosto
2020 Cascavel
1597345336.jpg
Vestibular Agendado: Educação Física tem vagas remanescentes para o segundo semestre
13
Agosto
2020 Cascavel
1597344409.jpg
FAG desenvolve Programa de Habitats da Inovação em Cascavel e Toledo
13
Agosto
2020 Cascavel
1597343661.jpg
Startup Garage: Aula Inaugural aborda melhorias de processos
13
Agosto
2020 Cascavel
eudiman.jpg
Centro Universitário FAG tem artigo publicado em revista internacional
13
Agosto
2020 Cascavel
1597271401.jpg
Engenheiros Civis recebem diplomas na obra de ampliação do Hospital São Lucas
12
Agosto
2020 Cascavel
1597267398.jpg
Vestibular Agendado: Curso de Direito desponta entre os principais do país
12
Agosto
2020 Cascavel
1597184738.jpeg
Equipe de Handebol se reencontra para realização de testes físicos
11
Agosto
2020 Cascavel
1597182046.jpg
Vestibular Agendado: Ciências Contábeis oferta vagas remanescentes
11
Agosto
2020 Cascavel
1597094130.jpg
Programa de Pós-graduação da FAG oferta mais de 25 cursos
10
Agosto
2020 Cascavel
1597092078.jpeg
Formandos de Engenharia Civil receberão diplomas em cerimônia realizada em campo de práticas acadêmicas
10
Agosto
2020 Cascavel
1597090726.jpg
PIBID e Residência Pedagógica: escolas-campo são selecionadas
10
Agosto
2020 Cascavel