FAG - Institucional
Centro Universitário FAG

O Centro Universitário Fundação Assis Gurgacz – FAG, sediado em Cascavel, no Estado do Paraná, iniciou suas atividades no campo do ensino superior na década de 90, diante de um cenário de intenso desenvolvimento do município e de sua região. A criação da instituição resultou da vontade de cidadãos, que desejavam ampliar as ações de uma Fundação instituída pela família Gurgacz, com o objetivo de proporcionar à comunidade um espaço específico de atendimento às necessidades e ssenciais da formação superior, e participar, de maneira efetiva, do desenvolvimento regional e nacional.

A FAG assume, assim, desde o princípio a missão de promover a formação de profissionais cidadãos, com sólida base humanística e excelência no campo de atuação específica de sua profissão, que tenham espírito empreendedor; que sejam capacitados para promover transformações comprometidas com a melhoria da qualidade de vida individual e coletiva da população; que sejam abertos às mudanças no campo do conhecimento científico e tecnológico e nas relações socioeconômicas e político-culturais da sociedade.

Assis Gurgacz
Reitor

Sérgio de Angelis
Vice-Reitor

Jaqueline Aparecida Gurgacz Ferreira
Pró-Reitora Administrativa

Afonso Cavalheiro Neto
Pró-Reitor Acadêmico

Missão, visão e valores

Promover ensino de qualidade em um ambiente de excelência em que todos queiram pertencer; despertar a chama da inovação e inspirar os acadêmicos para que sejam profissionais éticos e empreendedores, capazes de realizar sonhos e transformar a sociedade.

Ser reconhecido internacionalmente como um Centro Universitário moderno e atualizado, comprometido com a formação de agentes realizadores.

  • Liderança
  • Empreendedorismo
  • Inovação
  • Responsabilidade Social
  • Ética
  • Qualidade

Onde estamos

A cidade de Cascavel, município sede da FAG, localizada no Oeste do Paraná, teve crescimento demográfico substancial entre as décadas de 60 a 80. Em 1960, a população era de 39.600 habitantes, passando para 163.460 habitantes na década de 80 e 286.170 habitantes no ano de 2010, segundo registros do Censo Demográfico.

Cascavel é sede da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP), que representa os interesses de 52 municípios, agregando todas as forças da sociedade organizada regional. Com taxas de crescimento consideravelmente altas nos três setores da economia - agropecuária, indústria e serviços - esta região é responsável por grande parte do desempenho da economia paranaense.

Segundo informações da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano do Paraná, o grau de urbanização da Região é de 77,02% e manteve-se em crescimento contínuo nas últimas décadas, com média superior às demais regiões do estado. Além disso, o município vem consolidando sua posição de polo econômico regional e epicentro do MERCOSUL.

Nesse contexto, o Centro Universitário FAG, como expressiva entidade de ensino superior, tem buscado contribuir de forma significativa para o desenvolvimento de campos específicos, nos quais a vivência cultural, o conhecimento e a investigação são exigências fundamentais ao desenvolvimento científico e tecnológico.

Meio ambiente

As ações da responsabilidade social do Centro Universitário FAG não se restringem a sua atuação na área social, a instituição também desenvolve práticas de preservação do meio ambiente.

O campus da FAG possui uma Reserva ambiental de 17,4 hectares, onde está o Viveiro Conservacionista que abriga em média 200 aves e animais da fauna brasileira e que também funciona como laboratório dos cursos de Ciências Biológicas e Medicina Veterinária e tem motivado pesquisas, tanto de estudantes como de professores.

O Viveiro construído no bosque refugia araras, papagaios, além de tucanos e de dezenas de outros pássaros. Funciona como fiel depositário de animais apreendidos pelo Ibama e que precisam de cuidado e tratamento. A solta no bosque da FAG estão bem-te-vis, gralhas, anus, sabiás e outra infinidade de exemplares de pássaros. Além das aves, quem passeia pela reserva pode avistar, por exemplo, cutias, tatus, gambás e lagartos.

Compondo a rica flora da reserva biológica existem espécies como carova, coqueiro, erva-mate, pessegueiro-bravo, pinheiro do Paraná, vassourão branco, açoita-cavalo, canela e cerninho. Também foram acrescentadas à área 10 mil mudas, num processo de reflorestamento aprovado pelo IAP. Outra atração no grande bosque é o Orquidário Josefina Ventorin. Lá estão cerca de 50 diferentes espécies e pelo menos 200 exemplares de orquídeas, que podem ser apreciados por todos que quiserem.

Acessibilidade

A acessibilidade se apresenta em múltiplas dimensões, física, tecnológica, informacional, comunicacional, linguística e pedagógica, dentre outras. O termo se refere à comunicabilidade, abertura, transitabilidade, aproximação, ou seja, é condição fundamental a todo e qualquer processo de inclusão.

A acessibilidade é um atributo essencial do ambiente para garantir a melhoria da qualidade de vida das pessoas. É nesse sentido que os espaços do Centro Universitário FAG foram projetados e adequados.

A área externa do campus possui: faixas de pedestre, rampas de acesso com a inclinação 8,33% vigente na norma NBR 9050, vagas de estacionamento exclusivas e barras de apoio.

Internamente, todos os blocos dispõem de elevadores, faixas antiderrapantes no piso, barras de apoio e banheiros adaptados.

Histórico

Fundada em outubro de 1997, a FAG possui um histórico junto à comunidade, na prestação de serviços socioeducativos, capazes de contribuir nos aspectos mais importantes de uma sociedade, sendo a transformação social, a manifestação do espírito democrático, o desenvolvimento de valores éticos e da consciência cidadã.

A Fundação Assis Gurgacz é mantenedora da instituição de ensino superior e desenvolve, com o auxílio científico, ações que permitem atingir seus objetivos, que atender as necessidades locais e regionais.

Com esta premissa, a FAG vem construindo, desde a sua criação, uma identidade pautada no fomento de conhecimentos que visam à transformação dos modos de vida de sua comunidade interna e externa.

Infraestrutura

O Centro Universitário FAG também é referência por sua estrutura física, que foi projetada para atender com excelência às questões teóricas e práticas do ensino, bem como às questões administrativas institucionais. Encontram-se dispostos à comunidade acadêmica grandes blocos que abrigam mais de 200 salas de aula, 100 laboratórios de ensino, auditórios, bem como espaços específicos para cada área de conhecimento e atuação profissional.

Dentre os vários espaços, há um prédio com laboratórios de Engenharia e Arquitetura; um prédio para as Clínicas FAG de Fisioterapia, Nutrição, Fonoaudiologia, Enfermagem e Psicologia; um Complexo Poliesportivo, com seis quadras oficiais, academia de ginástica e um campo de futebol; salas para a estrutura da TV FAG e para a Agência Experimental de Publicidade - AGECIN; um espaço específico de área construída para o Hospital Veterinário; o Centro de Desenvolvimento e Difusão de Tecnologias - CEDETEC; a Fazenda Escola; o Centro de Convivência Nair Ventorin Gurgacz para Terceira Idade e uma reserva ambiental com 17,4 hectares, onde está o Viveiro Conservacionista que abriga em média 200 aves e animais da fauna brasileira e que também funciona como laboratório dos cursos de Ciências Biológicas e Medicina Veterinária.

O Prédio da Reitoria, com cinco mil metros quadrados, abriga todas as coordenações administrativas e pedagógicas. Na parte térrea do prédio, encontram-se o Anfiteatro com camarins, coxias e alta qualidade cenotécnica e termoacústica e com capacidade para 700 pessoas, e a Biblioteca da FAG, uma área de 1.500 metros quadrados, composta por salas coletivas e individuais de estudo, e um acervo formado por cerca de 28 mil títulos e 70 mil exemplares.

O Centro Universitário possui também estruturas de ensino fora do campus: o Núcleo de Práticas Jurídicas e mais de 100 espaços públicos e privados conveniados.

Palavra do Instituidor da FAG, Assis Gurgacz

"Acreditar na realização dos sonhos, acreditar no potencial das pessoas, construir uma história de vida significativa."

Estes princípios já estavam nos ensinamentos que recebi de duas pessoas que sempre foram minhas referências de vida, meus pais – Pedro e Helena Gurgacz.

Eles acreditaram no meu potencial, que poderíamos construir em Cascavel um futuro melhor para mim e para os meus nove irmãos. Nos anos 50, depois de uma viagem que fiz para cá, vindo da colônia de Concórdia-SC, onde morávamos, convenci minha família de que aqui seria um bom lugar para instituirmos a nossa nova história – uma próspera cidade do oeste paranaense.

A cidade, de fato, nos acolheu. Trabalhamos muito e fomos conquistando nossos espaços. Logo, conheci aquela que seria a minha grande companheira, minha esposa há mais de 50 anos – Nair Ventorin Gurgaz. Eu e Nair iniciamos, nos anos 60, uma empresa de transporte de passageiros – Empresa União Cascavel de Turismo Ltda.– Eucatur. O nome estampava a nossa filosofia de trabalho. Ano a ano, a empresa crescia, o número de funcionários aumentava e, mesmo diante das dificuldades, eu via a materialização de um sonho, que já não era só meu, nem mesmo apenas da minha família, mas de muitas. O esforço pessoal e coletivo da "família Eucatur" fez a diferença no crescimento da empresa e, no final dos anos 90, já contávamos com mais de 5 mil colaboradores.

Três décadas depois, era então o momento de agradecer à comunidade de Cascavel; precisávamos de um novo projeto, que pudesse dar oportunidades para jovens que, como eu, almejavam um futuro melhor. Mas era um novo contexto, o Brasil nos anos 90 havia mudado. Os discursos predominantes anunciavam a necessidade de investimentos na área social, educação e na qualificação profissional. E aí nasceu a ideia - viabilizar o acesso à formação no ensino superior para jovens da cidade e de toda a região.

Em agosto de 1999 tem inicio, então, as aulas dos primeiros cursos da Faculdade Assis Gurgacz, com alunos de Educação Física e Pedagogia. Mais uma vez, tive o apoio da minha família, minha esposa, Nair, meus quatro filhos, Acir, Jaqueline, Algacir e Assis Marcos, e uma excelente equipe de profissionais. Com garra e competência, fomos cumprindo as determinações do Ministério da Educação e somando conceitos de excelência em cada avaliação feita pelo órgão federal.

Duas décadas depois, já somamos mais de mil colaboradores e 12 mil alunos em processo de formação, em mais de 70 cursos para diferentes áreas de atuação; são aproximadamente 15 mil alunos já formados. Todas essas pessoas tiveram suas vidas redirecionadas ao passarem pela FAG.

Hoje formamos um Centro Universitário, em constante crescimento - o site da FAG anuncia, a cada instante, novas ações no Campus. Eu estou certo de que minha família, meus netos, bisnetos e tataranetos acompanharão, com responsabilidade e orgulho, a formação de muitas gerações de cidadãos críticos, éticos e envolvidos com as mudanças sociais. Eu acredito que os princípios que têm norteado a minha caminhada continuarão seus efeitos. É preciso acreditar na realização dos sonhos... Acreditar no potencial das pessoas... Construir uma história de vida significativa.

Assis Gurgacz
Reitor