Sistema desenvolvido por egresso de Agronomia recebe prêmio Orgulho da Terra

Pesquisa de João Vitor sobre enriquecimento ambiental na suinocultura foi implantada nas granjas integradas à Coopavel; prêmio foi concedido ao produtor Arlindo de Almeida, pai do egresso

06/12/2023


O TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) do egresso de Agronomia, João Vitor de Almeida, foi apresentado em 2021 e continua repercutindo. Ainda quando era acadêmico, ele desenvolveu um sistema de aprimoramento do manejo na suinocultura, com foco na redução do estresse dos animais e na promoção de interações mais positivas entre eles, do nascimento até o abate, A orientação do trabalho foi conduzida pela professora Vívian Fernanda Gai, especialista em produção animal. 

Com isso surgiu o enriquecimento ambiental, no qual os animais possuem estímulos nas baias, como brinquedos, e interação entre eles. O sistema foi adotado como padrão pela Coopavel em 2022 e foi gradativamente sendo implantado nas granjas, atingindo atualmente, 78% de integração. 

No começo desse ano, o reconhecimento das práticas inovadoras resultou à Coopavel a conquista do prêmio "Quem é Quem" da Gessulli Agromídia, na categoria Bem-Estar Animal, considerado um prêmio destaque do cooperativismo nacional.

Recentemente, os produtores Luciane Arenhart de Almeida e Arlindo Teixeira de Almeida, pais de João Vitor, e proprietários das granjas onde o experimento foi realizado no distrito de Gramadinho, receberam o prêmio Orgulho da Terra, entregue pela RIC TV Record, reconhecendo o papel social, ambiental e de bem-estar. 

Para o produtor Arlindo, além do orgulho do filho, vieram os benefícios para as granjas. “Hoje todo barracão já  possui  o enriquecimento ambiental  e a premiação do orgulho da terra demonstra que estamos no caminho certo, pois o objetivo é  entregar ao consumidor uma mercadoria de qualidade”. 

Resultados comprovados

O supervisor de fomento de suínos da Coopavel e médico veterinário, Gustavo Bernart, destaca que as melhorias implementadas, incluindo novos equipamentos e utensílios nas baias, resultaram em uma interação mais positiva entre os animais, contribuindo para um melhor desenvolvimento, ganho de peso, redução de problemas sanitários e mortalidade, consequentemente, melhora na qualidade da carne suína. 

“Redução tivemos de 0,72% menos mortalidade 12% de custo menor de medicação injetável e melhoria de carcaça em rendimento em até 1,2% e eficiência e qualidade na carne por apresentar ph e colorações mais atraentes para cortes mais gourmetizados”.

O cooperativismo na suinocultura

O estudo foi elaborado a partir da normativa nº 113 do Ministério da Agricultura e Pecuária, que entrou em vigor no ano de 2021, e estabeleceu que os produtores devem promover manejos e contato positivo com os animais, evitando situações desnecessárias de estresse e medo.

João Vitor expressa que fica emocionado ao ver seu trabalho refletindo positivamente, não somente na propriedade da família, mas em toda a cooperativa.

“A suinocultura, muitas vezes é realizada no âmbito familiar, onde gerações se unem para administrar fazendas e granjas. A colaboração com cooperativas desempenha um papel importante, proporcionando suporte técnico, acesso a recursos e mercados, além de promover a troca de conhecimentos entre os produtores”,

Em constante melhoria

O agrônomo explica que já houve a implementação de mais recursos no sistema, como os soundtalks, que são ferramentas que monitoram sons nas baias e ajudam a identificar problemas respiratórios. 

“O sensor capta sons em um raio de 10 metros, dessa forma facilita a identificação dos animais que podem estar passando por algum problema de saúde para interferirmos antes do agravamento de uma possível doença”, acrescenta João Vitor.



1709337383.jpg
Acadêmicos de Fisioterapia e Estética e Cosmética participam de palestra sobre Ultrassom Microfocado
01
Março
2024 Cascavel
1709321081.jpg
Startup Weekend: Centro FAG incentiva acadêmicos a participarem da experiência
01
Março
2024 Cascavel
1709252977.jpg
GOU FAG realiza primeiro encontro do ano
01
Março
2024 Cascavel
1709249428.jpeg
FAG Toledo: Coordenadora de Direito é julgadora do Tribunal de Ética da OAB
29
Fevereiro
2024 Toledo
1709242788.jpeg
Curso de Engenharia de Software recebe novo coordenador na FAG Toledo
29
Fevereiro
2024 Toledo
1709074231.jpeg
Professor Valdinei Arboleya assume cursos de Licenciatura da FAG Toledo
27
Fevereiro
2024 Toledo
1709069778.jpeg
Direito FAG Toledo: Acadêmico do 9º período é aprovado na OAB
27
Fevereiro
2024 Toledo
1709067629.jpeg
Acadêmicos de Fisioterapia participam de estágio supervisionado na Sports School do Colégio FAG
27
Fevereiro
2024 Cascavel
1709057840.jpeg
Livros de Medicina e Psicopedagogia são doados à Biblioteca da FAG
27
Fevereiro
2024 Cascavel
1708987927.jpeg
ADM, Contábeis e Agronegócio tem nova coordenadora na FAG Toledo
26
Fevereiro
2024 Toledo
1708986953.jpeg
Curso básico de Libras está com inscrições abertas na FAG Toledo
26
Fevereiro
2024 Toledo
1708970445.JPG
Calouras de Arquitetura contemplam estrutura do Centro FAG em dinâmica de recepção
26
Fevereiro
2024 Cascavel